SALTOS INESPERADOS

PILOTAGEM OFF-ROAD - Saltos inesperados - Normalmente os trilheiros inexperientes acabam estourando a suspensão de suas motos, nos obstáculos inesperados que surgem nas trilhas de média e de alta velocidade.

Por exemplo, o trilheiro esta a cerca de 70 Km/h em uma trilha de média, terminando de contornar uma curva longa e sinuosa, quando de repente aparece um morro a frente. Ele se desespera e tenta frear, assim a moto diminui para uns 45 Km/h e ele salta, e aterrissa com a frente pesada no chão.

E vai embora pra casa, com a suspensão dianteira estourada, ou com a caixa de direção cheia de "jogo".

Então, em uma situação dessas, é necessário que o trilheiro tenha coragem de enfrentar o obstáculo para evitar acidentes e danos a moto. Normalmente um pulo em velocidade alta, com a moto bem alinhada ao obstáculo dá certo. A moto pula de forma correta, sendo necessário apenas que o trilheiro fique em pé na moto para melhorar o equilíbrio, terminando o salto.

Quando o trilheiro entra freando no obstáculo, a moto tende cair de frente, e é quando acontecem os acidentes. Por isso, quando você for enfrentar um obstáculo desses em alta velocidade e não der para você diminuir a velocidade a tempo, apenas se posicione corretamente na moto. Quando chegar no obstáculo, faça uma pequena força puxando o guidão para cima, evitando que a frente caia.

Nos saltos é sempre aconselhado cair com a roda traseira primeiro, ou com as duas rodas ao mesmo tempo. Apenas no motocross/supercross que, em alguns saltos, o piloto cai com a roda da frente para fazer um salto curto e já ir contornando a curva. No trail isso não é aconselhado e nem utilizado.

Antes do trilheiro enfrentar saltos com sua moto, é necessário que ele tenha o bom senso de avaliar se sua moto tem condições para o mesmo.

Nenhum comentário:

Postagem em destaque

CAPACETE NO TANQUE? NC 750X - crossover

no Brasil R$ 28.990  Na crossover NC 750X, a Honda não apenas aprimorou o conjunto, mas também procurou potencializar as principais carac...