CONTRA-ESTERÇO

Em velocidades baixas, pilotamos girando o guidão para onde desejamos ir. Mas em velocidades mais altas, fazemos o oposto:

# Giramos o guidão um pouco, para o lado oposto ao que queremos ir.

# A moto se inclina para o lado que queremos ir, sozinha.

# Acompanhamos o movimento da moto e fazemos a curva normalmente.

Isto é o contra-esterço. É girar o guidão para o lado 'errado' para que a moto vá para o lado 'certo'. O contra-esterço é mais perceptível em velocidades de 30 Km/h para cima.

Nós já o utilizamos inconscientemente, ao fazermos as curvas. Já faz parte da pilotagem do dia-a-dia, provavelmente. Este efeito pode ser visto em terra firme, com a moto parada.

# Com a moto na vertical, vire o guidão para um lado até o batente.

# A moto não tenta 'cair' para o lado contrário?

O mesmo vale para qualquer velocidade. A única diferença sendo, quanto mais rápido a moto estiver indo, maior vai ser a intensidade do contra-esterço.

Vá praticar na rua o contra esterço. Note que você precisa virar o guidão bem menos com a moto em movimento, para obter o mesmo efeito da moto parada.

Um comentário:

luis disse...

verdade, eu uso bastante pra aumentar a inclinação da moto nas curvas, muito bom mesmo!

Postagem em destaque

CAPACETE NO TANQUE? NC 750X - crossover

no Brasil R$ 28.990  Na crossover NC 750X, a Honda não apenas aprimorou o conjunto, mas também procurou potencializar as principais carac...